.

.

quarta-feira, março 21

Bom dia, Refugiados

'BBB 12': justiça encerra inquérito contra o modelo Daniel

Modelo foi expulso do 'BBB 12'. Foto: TV Globo/Terra


Foto: TV Globo/Terra

Em comunicado oficial, a TV Globo informou que o Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro encerrou nesta terça-feira (20) o inquérito policial contra o modelo Daniel Echaniz, investigado pelo suposto estupro de vulnerável durante o Big Brother Brasil 12.

O Tribunal teria entendido, após o depoimento de Monique, que não houve crime e arquivou o inquérito. Com isso, foi suspensa também a proibição de o modelo sair do País.

No mesmo comunicado, a emissora carioca informou que, diante das especulações geradas pelo caso, Daniel foi expulso do programa no dia 16 de janeiro para poder responder formalmente às acusações.

Vale lembrar que Monique foi eliminada do programa pelo público no último domingo (18), após perder o Paredão para João Carvalho. Fora da casa, ela reiterou à imprensa que as carícias trocadas com o modelo foram consensuais.

Fonte: TERRA

Daniel hoje esteve no programa da AMB onde ela contou alguns detalhes da vida pessoal dele. Daniel é filho de Maria Aparecida que foi uma das mulatas do Sargentelli, e seu pai, já falecido, era Argentino, também do meio artístico, foi modelo, produtor de shows, etc.

Daniel contou como foi este período de 2 meses, onde ele ficou praticamente exilado num hotel, onde saiu apenas duas vezes para ir no Shoppping. Sempre tranquilo, explicou, que esperava e sabia que a justiça seria feita.

Um dos momentos mais triste relatado por ele, dito por sua mãe, que é vendedora de jornais, foi quando ela foi vender o jornal onde tinha estampado na página a manchete que seu filho era um estuprador.

Agora com tudo resolvido, Daniel voltará sua carreira de modelo, e seguir em frente.

E O BBB12, zzzzzzzzzz